3 Formas de usar um simulador virtual na sua empresa

Pegando carona na evolução das tecnologias de jogos eletrônicos, os simuladores virtuais ganharam um papel fundamental no setor corporativo e contribuíram para o aperfeiçoamento das metodologias de treinamento e desenvolvimento profissional. Hoje, diversos setores da empresa podem contar com um programa de treinamento que vai além da teoria e gera aprendizagem através da prática.

Devido à importância que o simulador virtual tem para o setor corporativo, desenvolvemos esse post para demonstrar como ele pode ajudar empresas de vários segmentos a profissionalizar o negócio e ganhar maior visibilidade e credibilidade no mercado de atuação. Acompanhe!

Vantagens da utilização do simulador virtual

Os simuladores virtuais possibilitam um treinamento prático organizado, liderado e acompanhado por uma equipe técnica especializada onde um ambiente e condições são simulados para estimular o comportamento adequado do colaborador em qualquer situação. É uma tecnologia voltada para melhorar engajamento do profissional com a empresa.

Utilizando o simulador virtual a empresa não precisa parar a produção para utilizar os equipamentos em treinamento, além de não colocá-los em risco de quebra durante a aprendizagem. Isso torna o custo x benefício da metodologia muito mais atraente do que os treinamentos convencionais.

Conheça agora três formas diferentes de aplicação dos simuladores virtuais:

1. Treinamento de equipe e desenvolvimento profissional

No setor de RH (Recursos Humanos), o simulador virtual pode ser utilizado especificamente para o treinamento de equipes recém-contratadas e o desenvolvimento de profissionais já existentes. A tecnologia será importante para moldar o comportamento dos colaboradores de acordo com as necessidades e padrões estabelecidos pela empresa.

Para exemplificar melhor o que estou dizendo, veja o simulador de guindaste desenvolvido pela Oniria para auxiliar o treinamento de operadores de guindaste offshore nas plataformas petrolíferas da Petrobras. O SIGNOS 2.

2. Planejamento de campanhas de marketing mais eficientes

Alguns produtos e serviços são mais difíceis de serem vendidos sem uma demonstração deles em funcionamento. É preciso gerar uma experiência ao público interessado para que ele perceba as vantagens da aquisição. Então, nada melhor do que contar com as tecnologias de simulação para criar uma realidade virtual do seu produto ou serviço.

Simulador de pulverizador desenvolvido pela New Holland para o teste da tecnologia de agricultura de precisão(PLM – Precision Land Management) retrata bem a ideia e representa um exemplo de sucesso.

Veja mais algumas dicas de como utilizar os simuladores virtuais para uma campanha de marketing bem sucedida aqui.

3. Criação e desenvolvimento de novos produtos e serviços

A sua empresa almeja expandir a linha de produtos e serviços oferecidos? A resposta pode ser utilizar um simulador virtual no seu portfólio. Simuladores Virtuais podem ser uma excelente estratégia para oferecer treinamentos complementares ao seu produto, fazendo seu cliente tirar melhor proveito do seu produto, evitando demandas de suporte, falhas humanas, e reduzindo gargalos que antes eram resolvidos com aulas presenciais, ou manuais complexos.

Entenda melhor essa possibilidade conhecendo dois casos que deram certo:

  • Automatus: desevolvido pela Oniria, o simulador didático SIMMAQ 3D AUTOMATUS é um software que proporciona treinamento em programação de controladores criando ambientes e condições virtuais com alto grau de realidade.
  • Case IH-A-8000: também desenvolvido pela Oniria, o simulador de colheita mecanizada conta com equipamentos e softwares específicos para tornar o treinamento de colheita de cana bem real e proporcionar otimização no trabalho.

Se o produto da sua empresa é complexo de demonstrar, treinar ou instalar, considere a utilização dos simuladores virtuais, essa será uma estratégia importante para promover o desenvolvimento sustentável do seu negócio.

Conheça o SIMULADOR MECTRON – VERSÃO NIGHTVISION